APLICAÇÃO DE RESÍDUO CERÂMICO COMO ADIÇÃO MINERAL NA PRODUÇÃO DE ARGAMASSAS E CONCRETOS

Main Article Content

Ana Catarina Jorge Evangelista
Valéria Castro de Almeida
Alexandre Celles Cordeiro
Licia da Silva Alves
Raquel dos Anjos Rodrigues

Resumo

A Indústria de louças sanitárias durante todo ciclo produtivo consome um volume considerável de
água, em geral de 60-180 litros/peças produzidas. O efluente líquido gerado nas etapas do
processamento apresenta uma elevada concentração em sólidos suspensos. O lançamento direto
dessa corrente in natura em corpos receptores ocasiona o assoreamento dos rios, tornando o meio
aeróbico. Após tratamento na ETE, o lodo na forma de torta passa a perfazer um montante a ser
descartado. Neste trabalho foram realizados estudos preliminares com a finalidade de verificar sua
empregabilidade na produção de concreto. Para avaliar a influência da substituição de parte do
cimento Portland pelo resíduo, foram realizados ensaios de absorção e de resistência à compressão
em argamassas com 5%, 10%, 15% e 50% de resíduo em substituição ao cimento. Os resultados
obtidos indicam que o emprego desse material é viável na produção de concretos e argamassas.

Article Details

Como Citar
Evangelista, A., Almeida, V., Cordeiro, A., Alves, L., & Rodrigues, R. (2006). APLICAÇÃO DE RESÍDUO CERÂMICO COMO ADIÇÃO MINERAL NA PRODUÇÃO DE ARGAMASSAS E CONCRETOS. Revista Brasileira De Ciências Ambientais (Online), (03), 08-12. Recuperado de http://rbciamb.com.br/index.php/Publicacoes_RBCIAMB/article/view/477
Seção
Artigos