Efeito da incorporação de resíduos agroindustriais nas características mecânicas e termofísicas de tijolos modulares de solo-cimento

Main Article Content

Wilson Marques Silva
Regis de Castro Ferreira
Lahuana Oliveira de Souza
Adriana Marques Silva

Abstract

Visando oferecer alternativas de destinação aos resíduos agrícolas, estudaram-se
composições da mistura de solo-cimento-resíduo agrícola, tendo como objetivo principal
determinar os teores máximos de resíduos a serem incorporados em substituição ao
estabilizante, obtendo-se, assim, materiais mais leves e, portanto, de menor
condutividade térmica, sem o comprometimento das suas características mecânicas. Foram
utilizados dois tipos de resíduos vegetais (cascas de arroz e de braquiária) e utilizou-se
o cimento Portland CP II-F-32 para a composição dos tratamentos. O teor de cimento
usado na estabilização do solo foi de 10%. Já os teores de resíduo foram de 0%, 10%, 20%,
30% e 40% adicionados em substituição ao cimento. Assim, foram variados os teores de
cimento e resíduo desde 100% de cimento e 0% de resíduo, até 60% de cimento e 40% de
resíduo. Corpos-de-prova cilíndricos e tijolos foram avaliados sob compressão simples e
absorção de água. Os resultados sugerem o uso destes resíduos no teor de 10% em
substituição ao cimento, sem o comprometimento de suas propriedades mecânicas. Foram
determinadas as principais propriedades termofísicas de tijolos confeccionados com
esta mistura através dos ensaios da caixa quente protegida e do calor específico, seguidos
da verificação da adequação em relação ao zoneamento bioclimático brasileiro.

Article Details

How to Cite
Silva, W., Ferreira, R., Souza, L., & Silva, A. (2009). Efeito da incorporação de resíduos agroindustriais nas características mecânicas e termofísicas de tijolos modulares de solo-cimento. Brazilian Journal of Environmental Sciences (Online), (14), 9-14. Retrieved from http://rbciamb.com.br/index.php/Publicacoes_RBCIAMB/article/view/399
Section
Articles