Gestão de resíduos sólidos não convencionais: o caso do GERESOL - Centro de Gerenciamento de Resíduos Sólidos de Jundiaí – SP

Main Article Content

Fernando Eduardo Costa e Silva
Leo Tadeu Robles

Resumo

O caso do Centro de Gerenciamento de Resíduos Sólidos – GERESOL, implantado pela Prefeitura de Jundiaí – SP, apresenta soluções para destinação final de resíduos não convencionais, contribuindo com proposições de sistemas viáveis para sua gestão ambiental e empresarial. A disposição desses resíduos, tais como, entulhos da construção civil, madeiras, galhos de árvores, pneus e outros, no caso estudado, se mostrou viável econômica e ambientalmente, indicando um caminho para solução de problemas que se apresentam para Prefeituras, no atendimento de regulamentações legais vigentes, para a reciclagem ou destinação final cada vez mais difícil e custosa desse tipo de resíduo.

Article Details

Como Citar
Costa e Silva, F., & Robles, L. (2011). Gestão de resíduos sólidos não convencionais: o caso do GERESOL - Centro de Gerenciamento de Resíduos Sólidos de Jundiaí – SP. Revista Brasileira De Ciências Ambientais (Online), (22), 38-49. Recuperado de http://rbciamb.com.br/index.php/Publicacoes_RBCIAMB/article/view/338
Seção
Artigos