A sustentabilidade em crise no Rio dos Sinos, RS: o sistema jurídico brasileiro e as possibilidades de turismo sustentável

Main Article Content

Haide Maria Hupffer
Mary Sandra Guerra Ashton
Roberto Naime

Resumo

Esse artigo objetiva explicar a necessidade da valorização do Rio dos Sinos, a partir do arcabouço institucional brasileiro e como o sistema jurídico enfrenta a possibilidade do uso múltiplo das águas e as condições de balneabilidade. Expõe a problemática do processo de degradação que o Rio dos Sinos vem atravessando e as Propostas dos Organismos de Bacia como base para uma alternativa de utilização do rio para o turismo e lazer como elemento integrador. Apresentam-se as noções de desenvolvimento e sustentabilidade, referenciando o Rio dos Sinos no quesito lazer e qualidade de vida atendendo ao princípio protetor-recebedor, com o intuito de repensar a utilização e valorização desse patrimônio.

Article Details

Como Citar
Hupffer, H., Ashton, M., & Naime, R. (2012). A sustentabilidade em crise no Rio dos Sinos, RS: o sistema jurídico brasileiro e as possibilidades de turismo sustentável. Revista Brasileira De Ciências Ambientais (Online), (26), 1-12. Recuperado de http://rbciamb.com.br/index.php/Publicacoes_RBCIAMB/article/view/301
Seção
Artigos