Qualidade das águas e percepção de moradores sobre um rio urbano

Main Article Content

Camila Muniz Melo Antunes
Silvia Cardoso Bittencourt
Tássio Dresh Rech
Aldo Camargo de Oliveira

Resumo

Este trabalho teve como objetivo conhecer as percepções de moradores do entorno da nascente do rio Carahá, em Lages (SC), sobre as condições desse rio, mudanças ocorridas com o processo de urbanização e qualidade das águas. Para isso, utilizou-se a abordagem qualitativa. Também foi realizada a análise de parâmetros físicos e químicos para avaliar a qualidade dessas águas. As percepções dos moradores sobre o rio foram agrupadas nas categorias: cuidado com o rio, importância, uso e características do rio. A análise das águas indicou alto grau de poluição. Os entrevistados percebem que as águas do rio são poluídas, mas parece haver falta de informação sobre as consequências do contato com o rio poluído, embora exista a preocupação com essa situação. O processo de urbanização ao longo do percurso do rio tem contribuído para mudanças ocorridas nas últimas duas décadas, com degradação da qualidade da água.

Article Details

Como Citar
Antunes, C., Bittencourt, S., Rech, T., & Oliveira, A. (2014). Qualidade das águas e percepção de moradores sobre um rio urbano. Revista Brasileira De Ciências Ambientais (Online), (32), 75-87. Recuperado de http://rbciamb.com.br/index.php/Publicacoes_RBCIAMB/article/view/250
Seção
Artigos