ESTUDO SOBRE MANUSEIO DE EMBALAGENS CONTAMINADAS – TAMBORES METÁLICOS: UMA PRÁTICA DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL NA INDÚSTRIA

Main Article Content

Andreia Borges Oliveira
Nelma Baldin

Resumo

Embalagens vazias, quando lançadas no meio ambiente, geridas ou
manuseadas incorretamente, tornam-se poluidoras e podem provocar
impactos no meio ambiente e aos seres humanos. O estudo que subsidia
este artigo objetivou a análise do trabalho de uma empresa situada no
Estado de Santa Catarina, quanto aos procedimentos de seus colaboradores
na coleta, no transporte, na armazenagem temporária e no destino final de
embalagens – tambores metálicos vazios contaminados. A metodologia,
abordagens qualitativa e quantitativa, centrou-se em visitas técnicas à
empresa e aplicação de questionários e entrevistas aos colaboradorestrabalhadores.
Analisaram-se os procedimentos adotados, o ambiente de
trabalho, as atividades desenvolvidas e o esclarecimento dos trabalhadores
no desempenho das suas funções. Os resultados referem falta de
escolaridade dos trabalhadores, aliada à pouca atenção aos procedimentos
de trabalho e à falta de esclarecimentos quanto ao desempenho de atividades
potencialmente poluidoras em relação ao meio ambiente. Diante desses
resultados, foram sugeridas práticas de Educação Ambiental (EA).

Article Details

Como Citar
Oliveira, A., & Baldin, N. (2015). ESTUDO SOBRE MANUSEIO DE EMBALAGENS CONTAMINADAS – TAMBORES METÁLICOS: UMA PRÁTICA DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL NA INDÚSTRIA. Revista Brasileira De Ciências Ambientais (Online), (38), 123-136. https://doi.org/10.5327/Z2176-947820150914
Seção
Artigos