OCORRÊNCIA DE AGROTÓXICOS EM ÁGUAS USADAS COM IRRIGAÇÃO DE ARROZ NO SUL DE SANTA CATARINA

Main Article Content

Álvaro José Back
Francisco Carlos Deschamps
Maria da Gloria da Silva Santos

Resumo

Este trabalho teve como objetivo avaliar a presença de resíduos de agrotóxicos
nas águas superficiais de drenagem das lavouras de arroz irrigado no sistema
pré-germinado na região sul de Santa Catarina. Foram analisadas amostras de
água coletadas nos canais de irrigação e drenagem de um sistema coletivo
de irrigação durante três anos de cultivo. Foram encontrados resíduos de
carbofurano em amostras de água de drenagem coletadas nos três anos
monitorados, com concentrações de até 5 μg.L-1. A maioria (81%) das amostras
de água superficial das áreas de drenagem das lavouras de arroz irrigado
continha resíduos de pelo menos 1 herbicida. Dentre os herbicidas estudados,
o bentazona foi identificado em maior frequência (50%), no entanto, também
foram encontrados resíduos de bispyribac-sodium, quinclorac e thiobencarb.
Entre os fungicidas, destacam-se o tryciclazole, azoxystrobin e tebuonazol.
Foram encontrados resíduos do inseticida malathion em 5,2% das amostras,
porém, em concentrações abaixo do limite detectável.

Article Details

Como Citar
Back, Álvaro, Deschamps, F., & Santos, M. da G. (2016). OCORRÊNCIA DE AGROTÓXICOS EM ÁGUAS USADAS COM IRRIGAÇÃO DE ARROZ NO SUL DE SANTA CATARINA. Revista Brasileira De Ciências Ambientais (Online), (39), 47-58. https://doi.org/10.5327/Z2176-9478201611014
Seção
Artigos